• Marisa Melo

Vender arte na quarentena




Em qualquer momento de nossas vidas, temos o poder de decidir nossos rumos.


O período de confinamento não é exceção. Você pode decidir esperar por uma normalidade sem data para voltar. Ou pode se lançar com força total rumo a seus objetivos de vida e de carreira.


Com ruas desertas e comércio fechado, o seu público se concentrou numa aglomeração planetária na Internet. Todos navegando em busca de algo que lhes interesse e que ofereça uma opção criativa aos noticiários repetitivos.



A produção de conteúdo nunca foi tão valorizada como agora. É certo que em meio a uma crise econômica, onde não se sabe como vamos estar na semana seguinte, não é fácil vender.

Mas você sabe que neste exato instante, alguém pode se fascinar com seu novo trabalho, seu novo texto. É o momento perfeito para vender à sua imagem. Todos estamos com tempo para se aprofundar naquilo que gostamos.


Crie novas obras e divulgue de modo engenhoso. As ruas podem estar vazias e as galerias fechadas. Mas a Internet está sobrecarregada.


Seu público visita, conhece e paga via Internet. Então você decide: ou lamenta a exposição presencial que não tem data confirmada ou se dedica de corpo e alma a promover sua imagem e seu portfólio junto ao público que procura por você.


Analise como tirar proveito da crise. Atue estrategicamente.


Para o artista, mais que nunca, é hora de trabalhar...

0 visualização

Subscribe to our newsletter

© 2019 Marisa Melo

São Paulo - Brasil 

e-mail: contato@marisamelo.com

+55 (11) 99724 0909

SIGA-NOS

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Facebook Clean
  • Branca Ícone Instagram