Palavras e Imagens

Atualizado: Mar 11




A vida do artista é uma eterna busca. Pela inspiração. Pelo domínio da técnica. Pela divulgação. Pelo reconhecimento do público. Quem admira nossas obras de arte não tem ideia de quanto trabalho está por trás de cada imagem, de cada pincelada.

São muitas atividades. Algumas, diretamente ligadas à criação. Outras, também necessárias, são às vezes cansativas e burocráticas. E quem realmente faz da Arte a sua vida, enfrenta todas com tenacidade. Pelo prazer de criar e pela alegria de ver sua obra reconhecida e valorizada.


Acompanhando e orientando dezenas de artistas, é interessante observar que um dos maiores desafios, para muitos deles, é escrever sobre suas obras. E esse é um aspecto muito importante para ser negligenciado. A caminhada para o sucesso não permite pular etapas. As imagens são nosso trabalho. Mas sem palavras que as apresentem, o caminho fica muito mais longo.


Há quem diga que não tem “jeito” para escrever. Pode até ser verdade. Mas o fato de não gostar ou não ter intimidade com verbos e adjetivos não muda o fato de o público esperar por este “complemento”.


Por exemplo, o título. Um quadro sem título é como um filho sem nome. Pelo título, o artista resume o que diferencia a obra entre todas as outras. Inclusive entre seus próprios trabalhos. De preferência, que não seja óbvio. Que intrigue e desafie o observador. Que faça referência a algo que o público poderia ou deveria conhecer. Uma referência aos clássicos, uma pitada de História ou Literatura...


Ao criar uma coleção, ela também pedirá um título. Que vai orientar o observador sobre a relação entre diferentes trabalhos, que devem, por sua vez, contar uma história.

Quem aprecia a Arte, quer sempre mais. Quem compôs essa obra? O que sentia quando pintou? O que estava vivendo nessa época? É fascinante ver as obras de um artista se tornarem coloridas nos períodos felizes e escuras e sombrias nos anos de dificuldades. O artista também é observador. Todos sentimos esse prazer ao descobrir as intenções por trás de uma imagem, a história por trás de uma canção. Por que negar essa informação ao público?


Os artistas não sabem, não gostam ou não querem escrever sobre sua obra ou projeto. Muitos dizem que seu caminho de expressão se completa na imagem. Que raciocinam em imagens e não têm habilidade com as palavras. Isso é compreensível. Quantos de nós, na escola, gostávamos igualmente de Português e Matemática?


Para ajudar esses artistas, a UPTime Art Gallery presta esse serviço. E esses malabarismos verbais, essa busca da harmonia também pelas palavras, está implícita nas outras etapas da criação e da divulgação. Seja num vídeo, em Arte para o feed, em textos/pautas para divulgação na imprensa.


Todos gostamos de uma boa história. De um caso bem contado. Por que sonegar aos admiradores de nosso trabalho, a rica história por trás de cada obra?


É nosso prazer contribuir para que o público conheça e entenda o que vê. Além da divulgação planejada, dos passos medidos para levar ao mundo o talento em forma de imagens, buscamos também auxiliar cada artista a satisfazer a curiosidade e premiar o interesse daquele colecionador, daquela galeria que, em geral, se fascina duplamente: pelo impacto de uma imagem inesquecível e pelas palavras exatas, que realçam e dão sentido a cada sombra, cada sentimento, cada pincelada.

Escrever é preciso.

0 visualização

Av. Bernardino de Campos, 98 São Paulo, SP 12345

  • Facebook Clean
  • Twitter Clean